Bem-vindo à página do Provedor de Justiça - Na Defesa do Cidadão

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Provedor de Justiça - Na Defesa do Cidadão
Pesquisar
Anteriores Provedores de Justiça
Manuel Da Costa Braz
Coronel Manuel Da Costa Braz (1975/1976)

Nasceu em 4 de novembro de 1934 na localidade de Pombalinho (Santarém).

Frequentou o Curso Geral Preparatório da Escola do Exército, o Curso Geral de Artilharia, o Curso Geral e Complementar do Estado-Maior, sendo Coronel de Artilharia na reserva desde 1981.

Foi um dos militares responsáveis pela Revolução de 25 de abril de 1974 e participou na elaboração do Documento de Cascais, do Programa do Movimento das Forças Armadas e do Documento dos Nove (julho e agosto de 1975).

Foi Adjunto Militar do Primeiro-Ministro do primeiro Governo Provisório (junho e julho de 1974), Embaixador dos Serviços Externos do Ministério dos Negócios Estrangeiros (julho a dezembro de 1975) e Ministro da Administração Interna dos segundo e terceiro Governos Provisórios (1974 e 1975), tendo organizado o recenseamento eleitoral e preparado as eleições para a Assembleia Constituinte. Foi também Ministro-Adjunto do Primeiro-ministro e Ministro da Administração Interna (1979 e 1980), cargos no exercício dos quais promoveu a organização das eleições autárquicas e legislativas de dezembro de 1979.

Foi Alto-Comissário contra a Corrupção (primeiro por nomeação do Governo e depois por eleição da Assembleia da República entre 1983 e 1993) e administrador da Hidroelétrica de Cabora Bassa (1979 a 1981) e da Empresa Ilídio Monteiro Construções Lda. (1981 a 1983), tendo sido igualmente Presidente do Conselho de Administração da daquela hidroelétrica (1993 a 1999).

 

Última atualização a 2017-11-24
Acessibilidade
©2012 Provedor de Justiça - Todos os direitos reservados