Bem-vindo à página do Provedor de Justiça - Na Defesa do Cidadão

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Provedor de Justiça - Na Defesa do Cidadão
Pesquisar
Recomendações do Provedor de Justiça
Qualificação profissional para o grupo de recrutamento 120. Omissão do dever de regulamentar (005/B/2016)
Data: 2016-11-18
Entidade: Ministro da Educação

Proc. Q-2363/2015 (UT4)

 Assunto: Exercício da docência da disciplina de Inglês no 1.º ciclo do ensino básico. Qualificação profissional. Omissão do dever de regulamentar.   

 Sumário: Na sequência da apreciação de diversas queixas apresentadas por docentes, o Provedor de Justiça recomendou a Sua Excelência, o Ministro da Educação que seja regulada, por portaria, a aquisição de qualificação profissional para a docência no grupo 120 por parte dos titulares do grau de mestre em ensino de Inglês e de outra língua estrangeira no ensino básico que não tenham realizado a prática de ensino supervisionado de Inglês no 1.º ciclo, mediante a definição dos complementos de formação e do procedimento de certificação.

  

Fontes:

- Constituição da República Portuguesa (artigo 47.º);

- Código do Procedimento Administrativo (aprovado pelo Decreto-Lei n.º 4/2015, de 7 de janeiro – n.º 1 do artigo 137.º);

- Decreto-Lei n.º 176/2014, de 12 de dezembro;

- Portaria n.º 260-A/2014, de 15 de dezembro.

Qualificação profissional para o grupo de recrutamento 120. Omissão do dever de regulamentar
Qualificação profissional para o grupo de recrutamento 120. Omissão do dever de regulamentar
Sequência: Acatada
Última atualização a 2017-11-24
Acessibilidade
©2012 Provedor de Justiça - Todos os direitos reservados